Rádio 7 Online

Lançado edital de licitação para a construção do HPR de Palmeira das Missões

Documento será publicado na segunda-feira, 3 de dezembro

01/12/2018 09h21
Por: Josoel Silvestre
Fonte: Com Informações Ascom Prefeitura de Palmeira das Missões
Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

O sonho de ter um hospital referência em atendimentos pelo Sistema Único de Saúde (SUS) para alta complexidade na região dá mais um passo para se tornar realidade. O Hospital Público Regional (HPR) de Palmeira das Missões, um grande complexo da saúde, resultante de um amplo processo de discussão da macrorregião norte/nordeste, o qual envolve lideranças do movimento popular, empresarial, prefeitos, vereadores de 72 municípios, Bancada Federal e Estadual, Senadores do RSjá tem seu edital pronto e deve ser publicado nesta segunda-feira, 3.

Para o prefeito Eduardo Russomano Freire, os vários obstáculos enfrentados foram superados. “Este é um projeto que está completando 10 anos desde a sua idealização, e nos últimos anos estamos tocando ele como prioridade absoluta na nossa gestão, porque sabemos da importância de um hospital de alta complexidade, um hospital resolutivo, não só para Palmeira das Missões, mas para a toda região”, disse.

O edital de lançamento do HPR, segundo a comissão organizadora, passou pela avaliação e fiscalização do Tribunal de Contas do Rio Grande do Sul. O HPR é o maior projeto público de saúde do interior do RS e tem parceria também com a Caixa Econômica Federal que fez a aprovação dos valores do projeto que giram em torno de 162 milhões de reais.

Com o lançamento oficial do edital de licitação para o HPR, a previsão para a abertura das propostas é a partir do dia 21 de janeiro, logo em seguida segue-se o tramite de contratação e, a assinatura de contrato, período de montagem de canteiros de obras e o início da obra.

O Hospital, a ser implantado numa área de 5 hectares, no km 1 da BR 468, prevê especialidades em ortopedia, neurologia, obstetrícia, oncologia, cardiologia, hemodiálise, urologia e fisioterapia. A população beneficiária é de quase 500 mil pessoas, composta por ampla maioria de pequenos municípios e pequenos produtores rurais, está planejado para ser 100% SUS, contará com 180 leitos de internação, 39 leitos de UTI, também será um centro de formação (residência) e pesquisa para universidades da região, por isso, também foi planejado com salas de aula, auditório e áreas afins para pesquisa.

O complexo do HPR gerará em torno de 1200 empregos diretos, tornando-se o maior empreendimento da região, gerando renda, trabalho e trará um grande impacto na cadeia do desenvolvimento econômico e social da macrorregião.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.