Baile Cedro Marcado 2
Rádio Seven Online
AGENDA DE EVENTOS VIGNE E OLIVEIRA
Via Tec telecom
JL MÓVEIS E ESQUADRIAS REDENTORA

Bandidos são presos negociando veículo furtado no RS

13/08/2019 10h05
Por: Josoel Silvestre
Fonte: Mateus Pirolli | Rádio Uirapuru
Foto: Brigada Militar/Divulgação
Foto: Brigada Militar/Divulgação

Na noite desta segunda-feira (12) a Brigada Militar, através da PATAMO, recebeu informações que um veículo Volkswagen Parati, cor vermelha, placas LZU-1644, havia sido furtado na cidade de Carazinho e estaria vindo até Passo Fundo pela BR 285.

A guarnição passou a efetuar buscas no bairro Cidade Nova momento que um policial da PATAMO recebeu uma ligação informando que a Parati havia entrado no interior do estacionamento do Bourbon shopping.

Após averiguação a equipe verificou que o veículo estava parado no estacionamento e haviam três indivíduos em sua volta parecendo negociar o automóvel. De imediato foi realizada abordagem pela Brigada Militar.

Os abordados foram identificados como Gustavo Tombini Anhaia, e em revista pessoal foi localizado um aparelho modelo “Chapolin”. Já com Daniel dos Santos Rigotto foi localizado uma chave “micha” que era usada na Parati para fazer dar a partida. Com o terceiro indivíduo, de iniciais R.G.M nada foi localizado.

Outro veículo gol placas IIJ-4296, cor azul, pertencentes a um dos abordados também foi apresentado na delegacia recolhido por adulteração, pois o número do lacre era diferente do veículo emplacado.

Durante a abordagem foi verificado que Gustavo e Daniel haviam furtado a Parati na cidade de Carazinho, por volta das 19h e estavam negociando com a testemunha no estacionamento do mercado.

Daniel relatou que ganharia R$ 300 do Gustavo para levar o veículo até o ponto de encontro, onde o mesmo seria vendido por R$ 600.

Diante do fato Gustavo e Daniel foram autuados por furto qualificado pela delegada plantonista e R.G.M foi ouvido como testemunha e liberado.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.