RD Online
Macali Brasil
CS CLIMATIZAÇÃO EM TENENTE PORTELA
Gugui Confecções
Lava Car do Éder
CENTER MÓVEIS REDENTORA
Nacional Gás Redentora
JL MÓVEIS E ESQUADRIAS REDENTORA
METALÚRGICA PORTELA
POLO UNOPAR REDENTORA
Lavacar e Borracharia do Juarez
Anúncio Rádio RD Online
C-TEC ELETRÔNICOS E INFORMÁTICA
Destak Cursos Profissionalizantes
Marcos Higienização e serviços em geral
TELE ENTREGA DE GÁS DO JAIRO
Via Tec telecom
Banner Site
PADARIA E CONFEITARIA DOCE SABOR
ZANY DECORAÇÕES
JP Celulares Redentora
Raynet Telecomunicações
C-TEC ELETRÔNICOS E INFORMÁTICA 2

Família cria vakinha on-line para custear tratamento de criança frederiquense

Doações em qualquer valor são bem-vindas

22/10/2019 18h39
Por: Josoel Silvestre
Fonte: O Alto Uruguai
Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

A pequena Malu Katherine Gomes Nunes é uma menina muito alegre, que nasceu cheia de saúde, mas luta há um ano contra uma doença rara, a hidrocefalia, um problema cardíaco e respiratório. Devido ao diagnóstico, ela ficou internada a primeira vez 21 dias na CTI, em Passo Fundo, fez uma cirurgia e colocou uma válvula na cabeça. Depois da válvula foram feitas mais sete cirurgias para a retirada de coágulos. Nesse tempo, os médicos do Hospital São Vicente de Paulo, de Passo Fundo, suspeitavam de uma síndrome, muito rara, na qual se confirmou, a Mucopolissacaridose Tipo I, uma das mais agressivas.

A Mucopolissacaridose ou MPS é um subgrupo das doenças de depósito lisossômicos (DDL) as quais pertencem ao ainda maior grupo de doenças genéticas do metabolismo, causadas por deficiência de enzimas. Juntas, afetam cerca de um em cada 25 mil nascidos vivos por ano.

Transplante 

Uma corrida contra o tempo. Assim vem sendo os dias da família da Malu, pois o transplante de medula só é feito até os dois anos e cinco meses, e hoje a pequena já está com um ano e sete meses, e achar um doador compatível também é uma dificuldade enfrentada.

Ainda, Malu precisa fazer um tratamento de sete meses em Porto Alegre, e o custo durante esse período é muito alto, contando também os valores de exames e o uso de alguns medicamentos específicos, os quais não são possíveis esperar pelo Sistema único de Saúde (SUS), devido à demora.

Vakinha on-line

Como forma de arcar com todas as despesas do tratamento da Malu, que reside em Frederico Westphalen, a família criou uma vakinha on-line, onde qualquer ajuda é bem-vinda. “O mais importante que a solidariedade em doações, viemos aqui pedir a oração de todos e que essa corrente de fé ajude a Maluzinha. Contamos com todos para que possamos reverter essa história e que ela tenha muitos anos de vida”, destacam os pais.

Para doar basta clicar no link abaixo:

Juntos por Malu

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.