RD Online
Lavacar e Borracharia do Juarez
JP Celulares Redentora
UNOPAR VESTIBULAR
Via Tec telecom
Banner Site
Nacional Gás Redentora
Anúncio Rádio RD Online
Cervejaria da Praça
C-TEC ELETRÔNICOS E INFORMÁTICA
ZANY DECORAÇÕES
Marina Móveis Redentora
TELE ENTREGA DE GÁS E BEBIDAS DO JAIRO
PADARIA E CONFEITARIA DOCE SABOR
Marcos Higienização e serviços em geral
C-TEC ELETRÔNICOS E INFORMÁTICA 2
Gugui Confecções
CENTER MÓVEIS REDENTORA
JL MÓVEIS E ESQUADRIAS REDENTORA
METALÚRGICA PORTELA
Raynet Telecomunicações
CS CLIMATIZAÇÃO EM TENENTE PORTELA
UNOPAR INFE
Macali Brasil
MAIS DE R$ 1 MILHÃO

BM apreende mais de R$ 1 milhão que seria de facção criminosa em Novo Hamburgo

Um homem foi preso na operação e, segundo a Brigada Militar (BM), seria o responsável pela contabilidade do grupo

12/11/2019 07h01
Por: Gilmar Machado
Fonte: Gaúcha ZH
Foi necessário uma máquina de dinheiro, emprestada de um banco, para realizar a contagem - Brigada Militar / Divulgação
Foi necessário uma máquina de dinheiro, emprestada de um banco, para realizar a contagem - Brigada Militar / Divulgação
O 3º Batalhão de Polícia Militar (BPM) de Novo Hamburgo apreendeu mais de R$ 1 milhão que pertenceria a facção criminosa da cidade nesta segunda-feira (11). As quantias foram encontradas em duas casas no bairro Canudos, no município do Vale do Sinos, dentro de sacolas de supermercado. 

— Pedimos emprestado uma máquina de contar dinheiro do Banrisul, porque a quantidade é muito grande. A maior dificuldade é que são muitas notas de R$ 5, R$ 10 e R$ 20 — explica o responsável pelo Comando Regional de Policiamento Ostensivo do Vale do Sinos, coronel Vitor Hugo Cordeiro Konarzewski.

O valor contabilizado foi divulgado no início da madrugada desta terça-feira (12) e chegou a R$ 1,3 milhão. 

Segundo a BM, a apreensão partiu de denúncia anônima. Na tarde desta segunda-feira (11), quando os policiais estavam patrulhando o bairro, abordaram uma Montana. O veículo era conduzido por um homem que estava com uma sacola de dinheiro. O próprio motorista teria indicado as casas onde estava o restante do valor apreendido. 

— O dinheiro estava em duas casas do bairro Canudos. Já tínhamos a informação dos locais e estávamos esperando a oportunidade para apreender — afirma um policial que participou da ação. 

Três homens foram presos. Um deles era o responsável pela contabilidade da facção. Também foram apreendidos uma pistola e dois veículos.
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.