RD Online
TELE ENTREGA DE GÁS E BEBIDAS DO JAIRO
UNOPAR INFE
Agenda Comércio de Bebidas Vigne e Oliveira
C-TEC ELETRÔNICOS E INFORMÁTICA
C-TEC ELETRÔNICOS E INFORMÁTICA 2
Raynet Telecomunicações
JL MÓVEIS E ESQUADRIAS REDENTORA
METALÚRGICA PORTELA
Banner Site
PADARIA E CONFEITARIA DOCE SABOR
CONVITE RODEIO BRAGA
Macali Brasil
Gugui Confecções
Anúncio Rádio RD Online
JP Celulares Redentora
Móveis Rústicos do Nego Claudio
UNOPAR VESTIBULAR
CENTER MÓVEIS REDENTORA
BAILE BENEFICENTE - HOSPITAL SANTO ANTÔNIO
Nacional Gás Redentora
ZANY DECORAÇÕES
Via Tec telecom
Gráfica Modelo
Marina Móveis Redentora
Cervejaria da Praça
CS CLIMATIZAÇÃO EM TENENTE PORTELA
GASOLINA E DIESEL

Petrobras reduz preço da gasolina e diesel nas refinarias

Queda de preço para consumidor ainda deve demorar, diz Fecombustíveis

13/01/2020 19h57
Por: Gilmar Machado
Fonte: Agência Brasil
 Foto: Petrobras / Divulgação
Foto: Petrobras / Divulgação

A Petrobras confirmou, há pouco, redução de 3% no preço do diesel e da gasolina para as refinarias. A medida entra em vigor nesta terça-feira (14). O último reajuste anunciado pela companhia para a gasolina foi em 1º de dezembro do ano passado e, para o diesel, no dia 21 daquele mês.

A medida não surpreendeu o mercado, disse hoje (13) à Agência Brasil o presidente da Federação Nacional do Comércio de Combustíveis e de Lubrificantes (Fecombustíveis), Paulo Miranda Soares.

Soares lembrou que, quando começou a tensão entre Irã e Estados Unidos, o preço do barril de petróleo no mercado internacional subiu de US$ 64 para US$ 70. Como o preço já voltou ao patamar anterior, Soares disse que a tendência é de queda do preço dos dois combustíveis no mercado interno brasileiro. “É absolutamente normal e esperada essa atitude da Petrobras.”

O presidente da Fecombustíveis ressaltou, porém, que, para o consumidor, a redução do preço deve demorar algum tempo, porque as distribuidoras têm que gerir o estoque, estimado entre 15 milhões e 20 milhões de litros. “Só baixa o preço quando ela [distribuidora] vender o estoque que comprou mais caro”. Para chegar à bomba, deve demorar 15 dias, “porque a concorrência é muito grande no setor de revenda”, disse Soares.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.