Via Tec telecom
RD Foco
Rádio Seven Online
TRÊS PASSOS

TRÊS PASSOS: JBS CONFIRMA ADEQUAÇÕES NO FRIGORÍFICO PARA GARANTIR RETORNO DE ABATES AINDA ESTE MÊS.

Abate deve ser retomado entre os dias 24 e 26 de setembro.

11/09/2018 18h36
Por: Gilmar Machado
Fonte: Rádio Alto Uruguai - com informações da Prefeitura de Três Passos
A Unidade da JBS emprega diretamente 880 funcionários, e cerca de 5.600 pessoas estão envolvidas indiretamente na cadeia produtiva (Foto: Arquivo)
A Unidade da JBS emprega diretamente 880 funcionários, e cerca de 5.600 pessoas estão envolvidas indiretamente na cadeia produtiva (Foto: Arquivo)

A mobilização de lideranças e entidades representativas de Três Passos, para buscar uma solução frente ao impasse da interdição de boa parte do frigorífico da JBS, no município, incluindo audiência com a administração municipal e também com o governo do Estado, parece ter alcançado bons resultados.

A empresa informou nesta segunda-feira a tarde (10) que serão realizadas as adequações de ergonomia e segurança, tais como: proteção de esteiras transportadoras, instalação de plataformas pantográficas e instalação de proteções em máquinas, o que possibilitará a desinterdição e o retorno da atividade de abate e corte na unidade.

Essas adequações serão realizadas por empresas especializadas para atendimento às normas, em um investimento de R$ 3 milhões. O retorno do abate está previsto para acontecer entre os dias 24 e 26 de setembro, condicionado pela desinterdição a ser realizada por auditor fiscal do Ministério do Trabalho de Santo Ângelo.

Conforme informações da gerente da unidade de Três Passos da Seara Alimentos/JBS, Mirta Thiesen, a empresa decidiu pela realização dos investimentos em reconhecimento ao apoio recebido pelos representantes municipais e estaduais, pelas entidades de classe, pelos produtores rurais e pelos trabalhadores da indústria.

A expectativa, segundo a gerente, é que a retomada da produção ocorra dentro do previsto, com muita segurança e qualidade. “Vamos trabalhar firmes pelo crescimento da unidade, mantendo nossos resultados e oportunizando desenvolvimento para nossos colaboradores e para nossa comunidade”, destacou.

O prefeito de Três Passos, José Carlos Amaral, que liderou a comitiva formada por representantes de entidades, enfatizou que esta notícia vem aliviar não apenas os trabalhadores que dependem da empresa para o sustento de suas famílias, mas de um modo geral à comunidade regional. “Sabemos o que a JBS representa, não apenas para Três Passos, mas para o Estado, e tendo em mente isso, a Administração Municipal, junto com entidades como a Câmara de Vereadores, Cacis, Sindilojas Celeiro, Sindicato dos Trabalhadores Rurais, Sintricas, Assuipassos, Fetag, Fecomércio, funcionários, Assembleia Legislativa e Frente Parlamentar de Apoio à Suinocultura, não mediu esforços para ir em busca de apoio para a resolução do impasse”, salientou.

A Unidade da JBS emprega diretamente 880 funcionários, e cerca de 5.600 pessoas estão envolvidas indiretamente na cadeia produtiva, entre transportadores, integrados, prestadores de serviços e produtores. A JBS é responsável por 38,41% do valor adicionado fiscal de Três Passos nestes primeiros seis meses do ano, sendo hoje, além da maior empregadora, a maior empresa do município em termos de arrecadação.

  

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.